Psitacídeos: O que são?

É nesta família que encontramos aves exóticas como as araras, papagaios, cacatuas, jandaias, pionites, eclectus, forpus, agapornis, calopsitas, periquitos, roselas, entre outros. No mundo, estas espécies de aves encontram-se distribuídas pela área tropical do globo terrestre (neotropical, afrotropical, oriental e australiano) e irradiam-se para as áreas sub-tropicais e frias.
Os psitacídeos são algumas das aves mais inteligentes e que possuem o cérebro mais desenvolvido. Quando criadas à mão, facilmente se tornam mansos e excelentes animais de estimação para toda a família. Têm a capacidade de imitar com grande exactidão todos os tipos de sons, incluindo palavras.
O seu longo período de vida é igualmente digno de nota, por exemplo: as espécies de grande porte atingem entre os 60 a 80 anos de idade.
Em consequência de todas as suas características, estas aves tornaram-se aves de cativeiro, bastante populares em parques e jardins zoológicos. Este facto veio também colocar muitas espécies em perigo de extinção.
Papagaio electus (Eclectus roratus roratus) macho
PAPAGAIO ELECTUS (ECLECTUS RORATUS RORATUS) MACHO | FOTOGRAFIA: FREDERICO LISBOA
A família dos psitacídeos (Psittacidae) é constituída por 78 géneros (divisão dentro da família), onde são distribuídas 344 espécies de aves. Estudos realizados recentemente mostram que 71 dessas espécies estão criticamente próximas da extinção, e outras 36 ameaçadas que poderão vir a extinguir-se se não forem tomadas medidas rigorosas.
A principal característica dos psitacídeos é uma cabeça larga e robusta, onde se apoia um bico forte, alto e curvo especializado para quebrar e descascar sementes. Para ajudar na manipulação dessas sementes, possuem uma musculatura na mandíbula e na língua muito desenvolvida. Os seus pés são curtos, mas muito articuláveis, que além de sustentarem o corpo das aves, auxiliam na manipulação dos alimentos que consomem.
Tanto os machos como as fêmeas possuem lindas plumagens com cores exuberantes, conferindo-lhes uma beleza inigualável. Usualmente os sexos são muito parecidos.
A grande maioria dos papagaios é muito sociável e vivem em bandos ao longo de todo o ano ou, pelo menos, após a reprodução.
De seguida vamos abordar os cuidados necessários para manter com sucesso espécies de psitacídeos.